Treviso: 9 motivos para conhecer.

Atualizado em

Conhecida como a Pequena Veneza em virtude de seus canais que lembram esse outro belo destino, Treviso atrai turistas de todo o mundo.

CANAL BURANELLI LU pequena veneza

A região do Vêneto, na Itália, oferece uma série de belíssimas cidades para visitar, como por exemplo, a encantadora Treviso.

No entanto, não são apenas os seus canais que fazem de Treviso um destino imperdível.

CANAL BURANELLI EM TREVISO pequena veneza
Nós em uma ponte do Canal Buranelli

Quer saber mais razões para incluir essa linda cidade no roteiro das suas próximas férias? Então, continue lendo este artigo e confira 9 motivos para conhecer Treviso.

1- A história de Treviso

Assim como muitas outras cidades que pertencem à mesma região italiana, Treviso é um local histórico.

ARQUITETURA DE TREVISO
Arquitetura e construções de Treviso

De fato, isso pode ser notado logo que se chega ao local. Suas construções medievais mostram que há muito o que se contar a respeito da sua história.

CONSTRUÇÕES TREVISO

Após passar por governantes de diferentes nações, a Pequena Veneza e outras cidades próximas enfim integraram o Reino da Itália no início do século XIX.

Hoje, Treviso é um polo industrial que reúne empresários de diferentes segmentos, bem como da moda. Por exemplo, o caso da marca Benetton, conhecida em todo o mundo, que nasceu e tem a sede da empresa na cidade.

BENETTON pequena veneza
Loja Benetton no centro de Treviso.

Além disso, Treviso em si é pura história, seja por conta das suas construções medievais, seja por suas ruelas estreitas repletas de antigas casas.

Treviso também é conhecida como Urbs picta, ou seja, cidade pintada. No século XII, a cidade não recebia mármore ou outros tipos de pedras e por isso, era costume pintar a fachada das casas.

AFRESCOS FACHADA TREVISO
Imóvel no centro de Treviso com pinturas na fachada

Tais costumes deram origem a fantásticos afrescos dos palácios e das casas, os quais, com motivos variados, decoravam por completo as construções.

LOGGIA DEI CAVALIERI TREVISO
Loggia dei Cavalieri

Mas, durante a segunda guerra mundial em 1944, os bombardeios que atingiram a cidade acabaram por destruir a maioria dos prédios medievais e com isso, considerável parte destes afrescos.

LOGGIA DEI CAVALIERI TREVISO
Detalhes da Loggia dei Cavalieri

Ainda assim, é possível encontrar nos dias atuais, vestígios de antigas pinturas e afrescos.

A propósito, você sabia que o Seguro Viagem é obrigatório para conhecer a Itália? De uma olhada nessa página onde falamos sobre Seguro Viagem Internacional com desconto para nossos leitores.

Sabia que o Seguro Viagem é essencial para sua segurança no exterior?

Além de ser obrigatório nos países da Europa, a imigração pode solicitar o documento para permitir ou negar sua entrada. Fizemos uma parceria com o maior comparador de seguros viagem.

Leitores do Casal a Bordo tem 10% de desconto. É só clicar no botão.

 

2 – A Pequena Veneza (ou La Piccola Venezia)

Assim como a cidade italiana Veneza, Treviso também é banhada por diferentes nascentes que são chamadas de fontanassi.

CANAIS EM TREVISO pequena veneza
Um dos muitos canais que cortam a cidade

Dessa maneira o lugar se desenvolveu ao redor do Rio Sile e canais que cortam a cidade. Além disso, belíssimas pontes e moinhos dão um charme especial e fazem de Treviso, uma cidade linda e apaixonante.

CANAL E PONTE TREVISO pequena veneza
Composição linda das pontes, construções e vegetação

Contudo, por ser uma cidade menor do que Veneza, Treviso ganhou o apelido de Pequena Veneza.

Assim como a cidade vizinha, é possível fazer encantadores passeios pelos canais e conhecer melhor os encantos desse destino.

CANALE BURANELLI TREVISO pequena veneza
Impossível não se encantar com esse visual

Entre tantos canais, destaca-se o Canal Buranelli, pequeno, romântico e cercado de pequenas casas coloridas. Há também uma ponte e um pórtico, que deixam o cenário ainda mais encantador.

Caminhar às margens do canal certamente renderá muitas fotos. Afinal, além das casas que cercam os canais, consegue-se vislumbrar a coloração esverdeada da vegetação das margens. Passeio imperdível.

CANAL BURANELLI LU TREVISO pequena veneza
Canal Buranelli

3 – Treviso: o berço de antepassados de muitos brasileiros.

Muitos imigrantes italianos que chegaram ao Brasil têm origem em Treviso.

Portanto, esse é um dos motivos que fazem muitos brasileiros escolherem esse destino nas suas férias. Dessa forma, podem conhecer um pouco mais sobre a história dos seus antepassados.

De fato, incluímos Treviso em nosso roteiro por ser a cidade dos antepassados do Euclides. Assim como vários familiares, ele sempre teve vontade de conhecer a terra onde viveu seu bisavô antes de imigrar para o Brasil.

Na Piazza dei Signori, uma das construções histórias apresenta placas com nomes de pessoas que foram condecoradas e que sacrificaram suas vidas em combate, como forma de serem homenageadas.

Por isso, não raro visitantes com descendentes de Treviso podem encontrar o nome de seus antepassados dentre os nomes dos heróis que lutaram pela nação. O Euclides, por exemplo, localizou seu sobrenome em uma das placas. Um momento emocionante.

PLACA HOMENAGEM HEROIS DE GUERRA TREVISO pequena veneza
Placa com nomes de antepassados da Família Torresan/Torezan

Na cidade, há também o Monumento ai Caduti delle Guerre, localizado na Piazza della Vittoria. Mais uma importante homenagem a quem lutou na guerra.

4 – A combinação de atrações turísticas.

Há muito o que fazer em Treviso, por isso, seus dias nesse encantador destino serão repletos de passeios, visitas e ótimas surpresas.

Embora os canais já citados sejam muito procurados, veja mais algumas atrações turísticas que não podem faltar em seu roteiro:

Piazza dei Signori.

É a principal praça da cidade, cercada pela prefeitura e demais prédios históricos, como por exemplo, o Palazzo dei Trecento. Nele fica o conselho municipal da cidade, sendo possível visitar o seu interior, onde sempre são apresentadas diferentes exposições artísticas.

PIAZZA DEI SIGNORI pequena veneza
Piazza dei Signori

Ademais, um lindo carrossel enfeita e da cor à praça.

CARROSSEL TREVISO pequena veneza
Muita lindeza…

Além disso, é onde fica o Restaurante Da Pino, responsável por uma das melhores massas que comemos durante toda a viagem.

A Muralha.

Se acaso for um apaixonado por Cidades Medievais, Treviso é um destino perfeito.

A Pequena Veneza é cercada por uma antiga Muralha, a qual foi construída para proteger o seu território de invasões. A extensão da Muralha é de quatro quilômetros, aliás, é possível percorrê-la caminhando ou de bicicleta em um passeio inesquecível.

Quer internet de qualidade durante sua viagem?

Ter internet é essencial para usar aplicativos como Uber e Google Maps, além de conversar no WhatsApp e postar aquela foto no Instagram.

Devido a nossa parceria com as melhores empresas, você sempre terá um preço diferenciado. Clicando no botão abaixo você compra qualquer chip e recebe em casa, e assim passa a ter conexão em diversos países.

 

Catedral de Treviso.

Embora seja chamada Cattedrale di San Pietro Apostolo, a Catedral é uma das principais igrejas de Treviso.

CATEDRAL DI TREVISO pequena veneza
Catedral de Treviso

Será possível conhecer uma imponente construção, bem como a Capela Malchiostro, repleta de obras de arte, e o Museu Diocesano, com importantes afrescos.

CATEDRAL DE TREVISO pequena veneza
Catedral de Treviso na Piazza Duomo

A Catedral está localizada na Piazza Duomo e o seu horário de funcionamento é aos sábados e domingos das 8h às 12h e, durante a semana, nos horários de missa, às 8h, 12h, 15h30min e 18h30min.

Fontana delle Tette

Mais um lugar que não pode faltar no seu roteiro é a Fontana delle Tette. Já que o seu nome pode ser traduzido como a Fonte de Peitos, trata-se da imagem de uma mulher de “topless” apertando os seus seios.

FONTANA DELLE TETTE pequena veneza
Fontana delle Tette

A Fontana delle Tette foi construída em 1559 após Treviso enfrentar uma grave seca. Na antiguidade, da tetas jorravam vinho branco e tinto por 3 dias, durante celebrações especiais como por exemplo, quando era escolhido um novo administrador da cidade.

PLACA FONTANA DELLE TETTE pequena veneza

Entretanto, nos dias de hoje, a fontana jorra apenas água.

A Fontana original está protegida por vidros na Piazza dei Signori mas é possível ver a fonte em atividade dentro de uma Galeria nas proximidades da Praça.

FONTANA DELLE TETTE ORIGINAL pequena veneza
Fontana delle Tette original

Confesso que deu um certo trabalho encontrar o cantinho onde a Fontana delle Tette está. Se acaso você tiver a mesma dificuldade, pode colocar a localização no GPS do celular, assim como fizemos.

Igreja San Francesco

Mais uma antiga Igreja cheia de história, tendo sido erguida pelos franciscanos e usada como estábulo pelas tropas de Napoleão nos anos 1200. Hoje, restaurada, está aberta à visitação e nela estão os restos mortais do filho de Dante Alighieri.

Está situada nas proximidades do Canal Buranelli, na Via Sant’Antonio da Padova e o seu horário de funcionamento é das 7h às 12h e das 15h e 18h30.

Estátua de Dante Alighieri

Treviso é citada no livro Divina Comédia, do escritor Dante Alighieri, que foi exilado na cidade, por volta do ano 1300.

Já que o escritor passou um tempo exilado na Pequena Veneza, foi homenageado com um monumento sobre a ponte que tem o seu nome. Embora seja uma singela homenagem, vale a pena conhecer mais essa atração turística de Treviso.

Museus.

Para aprender mais sobre a história de Treviso, basta visitar um dos seus tantos museus.

Ademais, é possível destacar o Musei Civici di Treviso, situado na Piazzetta Botter Mario e que funciona de terça a domingo, das 9h às 12h30 e das 14h30 às 18h.

Além disso, para conhecer obras de artistas locais, o Museo Civico Luigi Bailo, está localizado na Borgo Camillo Benso Conte di Cavour e funciona todos os dias, com exceção da segunda-feira, das 10h às 18h.

5 – As famosas vinícolas de Treviso

Treviso está repleta de vinícolas abertas à visitação, para onde é possível seguir com excursões ou agendar visitas por conta própria. Por certo, conhecer um pouco mais sobre a produção de uvas, processos de fabricação dos vinhos e degustar algumas delícias é um excelente passeio.

Outro passeio imperdível é a chamada Estrada do Prosecco, um trajeto de 80 quilômetros entre as cidades de Conegliano e Valdobbiadene. Lá, não só há muitos vinhedos, como também uma ampla variedade de arte, história e gastronomia.

Assim, você pode optar por diversas atrações, porém, algumas são amplamente recomendadas. A Osteria Senza Oste, que funciona como um bar “sem dono” em um casarão rústico e o Monastério Abadia de Follina, são considerados imperdíveis.

Além disso, não deixe de conhecer o Vilarejo Cison di Valmarino, um dos mais belos burgos da Itália e a Igreja Pieve di San Pietro di Feletto. Esta última foi construída no ano 1000 e conta com uma incrível vista panorâmica das colinas. 

6 – O original Tiramisu.

Como é de se imaginar, a culinária italiana é de lamber os “beiços”. E mesmo que haja muito o que experimentar, o destaque fica por conta da sobremesa chamada Tiramisu, que foi criada na própria Treviso.

É possível traduzir o nome do doce como “levanta-me”, já que é bastante energético.

A sua receita conta com camadas de biscoitos champanhe, embebidos em café forte e, originalmente, um creme à base de queijo mascarpone. Por cima, ainda polvilha-se café e cacau em pó.

Todos os restaurantes que passamos servem a sobremesa mas, como não poderia ser diferente, o Tiramissu mais gostoso que saboreamos foi em Treviso no Da Pino. Um conselho: Não deixe de provar essa delícia.

7 – A variedade de formas de chegar a Treviso.

Mais um dos motivos para conhecer Treviso é que você pode chegar até a cidade de diferentes formas, já que a oferta de meios de transporte é variada.

Treviso possui um aeroporto, que também está próximo de Veneza, perfeito para quem deseja conhecer ambos os destinos. Dessa forma, dentro da cidade, é possível se deslocar de ônibus, táxi e mesmo bicicletas.

Trem.

Já para quem prefere utilizar transporte público, os trens são uma boa opção. Por exemplo, é possível ir de Veneza a Treviso em cerca de 30 minutos pela Trenitalia, por menos de 4 Euros.

Carro alugado

Quem prefere ter mais autonomia pode alugar um carro para chegar à Pequena Veneza. Nós optamos pelo carro pois, além de tornar mais prático o deslocamento na própria cidade, é a maneira ideal para visitar regiões próximas.

==>> Você sabia que para dirigir na Itália é preciso ter a PID – Permissão Internacional para Dirigir? Clique aqui e veja como ter a sua e quais países exigem o documento.

Sempre que alugamos carro, optamos pela RentCars em razão dos ótimos preços que encontramos, pela facilidade de fazer reservas e pela qualidade. Além disso, não há cobrança de IOF e é possível parcelar o pagamento em até 12 vezes

ROADTRIP DOLOMITAS
De carro peloas Alpes Italianos

Em nosso caso, alugamos um carro super confortável, com todos os seguros inclusos por quase 4 diárias por apenas R$ 179,00. De fato, compensou se comparado ao valor que gastaríamos com transporte público para realizar todo o nosso roteiro.

Confira aqui como foi nossa viagem de carro e saiba 3 razões que fazem valer a pena alugar um carro na Itália.

Aliás, se você gosta de nossas dicas, pode nos ajudar a manter o blog atualizado usando os links que indicamos aqui para fazer suas reservas. Os sites nos pagam uma pequena comissão pela indicação mas você não paga nada mais por isso. Então, clique aqui , faça seu orçamento com a RentCars e ajude nosso Projeto. Agradecemos de coração!

Que tal alugar um carro pelo melhor preço?

Você pode alugar com até 60% de DESCONTO, parcelar em até 12X pelo cartão de crédito e o melhor, se for para fora do País não precisa pagar IOF, economizando mais 6,38%

Faça uma cotação online na RentCars.com, comparando o preço das melhores locadoras. É só clicar no botão.
 

8 – Uma opção de hospedagem mais econômica que Veneza.

Conforme dito anteriormente, Treviso fica apenas 30 minutos distante de Veneza.

Não é novidade que Veneza é uma das cidades mais turísticas do Mundo. Por isso, o custo para se hospedar na La Serenissima é geralmente bem alto. Não é regra mas, em geral, os hotéis em Veneza são antigos e as vezes, pouco confortáveis.

Além disso, Veneza recebe diariamente um mar de visitantes, o que acaba se tornando até mesmo desgastante.

Em Treviso, é possível encontrar excelentes hotéis que saem muito mais em conta que em Veneza. Clique aqui e confira ótimas opções de hotéis em Treviso com as melhores tarifas.

Ademais, a cidade conta com ótima gastronomia, muitas atrações culturais e está livre de inúmeras lojinhas de souvenires e aquela multidão de turistas da cidade vizinha.

Mas se ainda preferir se hospedar em Veneza, clique aqui para conferir a seleção de hotéis que fizemos para vocês.

[booking_product_helper shortname=”treviso”]

9 – Possibilidade de combinar Treviso com outras cidades.

Além de Veneza, existem muitas outras cidades da região do Vêneto para conhecer na mesma viagem à Treviso. Algumas delas são Verona, Castelfranco Veneto, Bassano del Grappa, Marostica, Pádua, Vicenza e a região das Dolomitas.

ARENA-VERONA-1
Arena Verona na cidade de Romeu e Julieta

Em nossa viagem para Itália, conhecemos a romântica Verona e também a região das Dolomitas. Nos links abaixo você pode saber mais sobre os destinos e se inspirar.

==>> Verona, a cidade de Romeu e Julieta.
==>> Lago di Braies: Um espetáculo nos Alpes Italianos.

Além disso, você pode aproveitar para conhecer a capital Roma ou Milão e de lá, partir para as demais localidades.

Fontana di Trevi
Fontana di Trevi em Roma

Se acaso deseja conhecer Veneza, o Blog Mapeando Mundo tem um post com tudo o que você precisa saber antes de viajar.

Em alguns dias e com muita organização, você consegue incluir alguns dos principais destinos italianos em sua viagem. E, assim, descobrir todas as maravilhas que a Itália tem para oferecer.

Toda vez que você reserva algum produto através dos links/Banners encontrados no Blog, nós ganhamos uma pequena comissão. NÃO EXISTE CUSTO EXTRA para você, e ainda nos ajuda a continuar produzindo conteúdo de qualidade e a manter o blog no ar.
Nós agradecemos seu apoio.

HotelReserve seu Hotel com as melhores tarifas
Aluguel de CarroAluguel de Carro até 60% de desconto
Seguro ViagemSeguro Viagem com Desconto
Chip CelularChip de Celular com até 25% de desconto
AviãoPassagens com até 35% de Desconto

Luciana Torezan

Paulista, 38 anos, servidora pública. Muito comunicativa e curiosa, tem paixão pelos animais e pela natureza, ama conhecer lugares e vivenciar culturas diferentes. Amante de trilhas e cachoeiras, está sempre motivada a botar o pé na estrada e ir atrás de novas aventuras. Tem prazer em compartilhar dicas e é a responsável pelo conteúdo do blog e redes sociais.

11 Comentários

  1. Que gracinha de cidade, essa Treviso! Não conhecia e já amei, principalmente quando li “Estrada do Prosecco”…rsrsr
    Brincadeira, achei tudo lindo, as fotos estão incríveis e que emoção deve ter sido encontrar o nome dos antepassados lá!

    1. Oie Bruna, ficamos felizes que tenha gostado. Foi realmente emocionante estar na terra dos antepassados… uma viagem no tempo. E ainda regada a vinho hahaha. Vale muito a pena conhecer Treviso.

    1. Olá Christian, vale muito a pena conhecer Treviso. Com certeza você vai gostar. Ficamos felizes em poder ajudar. Abraços

    1. Treviso realmente é uma fofura de lugar e ainda conta com uma gastronomia de respeito. Vale a pena conhecer.

  2. Gente!!! Que coisa mais linda! Passei tão pertinho e não conheci, que dó! Mas ainda volto para a Itália e vou colocar Treviso no roteiro. E essa sua foto na Fontana di Trevi em Roma, conta o segredo de conseguir essa foto sem ninguém por perto! Quando fui mal dava para descer as escadas, aliás, não dava para descer as escadas, hahaha
    Abs,

  3. Luciana,
    Adorei suas indicações. Estarei em Veneza em outrobro e gostaria de conhecer a região do prosecco, no entanto, não estou encontrando outra opção a não ser alugar um carro e, como fazer isso e participar das degustações nas vinícolas? Há serviços de van ou outro tipo de transporte saindo de Treviso ou Veneza? Abraços e obrigada!

    1. Ola Mariana, tudo bem? Fico feliz que tenha gostado. Você vai amar a região… tudo muito lindo. Com relação a conhecer a rota do prosecco, não se acha muita informação mas descobri uma guia brasileira que organiza esse tour guiado a partir de Treviso. É a Isa do http://italiaperamore.com. No site tem a informação de como entrar em contato. Espero que de certo e volte aqui depois para nos contar. Beijos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
NÃO PERCA NADA!!!
Inscreva-se em Nossa Newsletter. É Grátis
Seja o primeiro a receber as últimas atualizações e conteúdo exclusivo diretamente na sua caixa de entrada de e-mail
Inscreva-se
Experimente, você pode cancelar a inscrição a qualquer momento.
close-link
Fechar
Fechar