Vinícola Santa Rita: um Tour apaixonante!

Ir ao Chile e não conhecer uma vinícola é praticamente um pecado. Sendo assim, visitamos a vinícola Santa Rita, a qual nos encantou pela beleza, pela história e claro, pelos vinhos.

Vinícola Santa Rita

Primeiramente, quando falamos em Chile, logo vem à nossa cabeça os maravilhosos vinhos da região.

E não é por menos, afinal o Chile é o 7º maior país produtor de vinho e o 4º maior exportador. Além disso, alguns de seus vinhos foram vencedores de prêmios, figurando entre os melhores do mundo.

As visitas à Vinícolas Chilenas são tão procuradas pelos turistas que certamente são consideradas passeios imperdíveis. Entretanto, nem precisa ser um apaixonado por vinhos para se encantar com o tour.

Surpreendentemente, a primeira Vinícola que conhecemos foi a Vinícola Santa Rita.

Realizamos o passeio com a Empresa Turistando Chile  e optamos pelo tour clássico que tem a duração de 1h e 10 minutos. 

O motorista Roberto nos buscou no apartamento no horário agendado e durante o caminho, foi nos passando diversas informações e curiosidades sobre Santiago e sobre o Chile.  

Mas antes de continuar, confira aqui o Guia Completo com tudo o que você precisa saber para conhecer Santiago.

A história do Vinho 120 SANTA RITA

120 SANTA RITA chile

O nome do vinho se deve a um fato histórico ocorrido na Fazenda, onde atualmente funciona a vinícola, durante a luta pela independência do Chile.

À época, 120 soldados se refugiaram na Fazenda após lutarem contra as forças da Coroa Espanhola. Dona Paula, a antiga proprietária, escondeu os soldados no local onde hoje abrigam os tonéis de vinho. Além disso, tratou de seus ferimentos e também os alimentou. 

Com o propósito de homenagear os patriotas, a Vinícola produz o Vinho 120, mundialmente conhecido e apreciado. 

Ao lado da sala de degustação, existe um espaço montado com bonecos que representam o fato. Ali é reproduzido um vídeo que conta toda a história dos heróis chilenos bem como da heroína Dona Paula. 

Documentações e Seguro Viagem

São dois itens indispensáveis e que, por incrível que pareça, muita gente acaba esquecendo e deixando para a última hora. Confira as dicas:

  • Documentos: no Chile você não precisará de um passaporte e nem visto. O que vale por lá é sua carteira de identidade (o conhecido R.G.) e sua CNH caso pretenda dirigir.

IMPORTANTE: ambos os documentos precisam ser recentes. No caso da CNH, é necessário que a mesma esteja dentro do prazo de validade. O passaporte no Chile só será exigido se você pretender morar por lá.

Confira os países que brasileiros não precisam de visto.

  • Seguro Viagem: é muito importante ter um, principalmente se o seu destino é internacional.

Acidentes, doenças inesperadas, perda de bagagem e tantas outras situações possíveis que podem lhe gerar uma boa dor de cabeça caso você não tenha um seguro viagem previamente contratado.

A dica é a Real Seguros Viagem, que contempla os melhores formatos de seguro viagem com as melhores coberturas. Não deixe de contratar.

Seguro Viagem é essencial para sua segurança no exterior

Além de ser obrigatório nos países da Europa, a imigração pode solicitar o documento para permitir ou negar sua entrada. Fizemos uma parceria com o maior comparador de seguros do Brasil, a REAL SEGUROS, leitores do Casal a Bordo tem no mínimo 10% de desconto.

Fizemos um vídeo que mostra todo passeio.

No vídeo abaixo, é possível visualizar parte da visita à Vinícola Santa Rita e saber como funciona o tour.

A princípio, pensávamos em conhecer apenas a famosa Concha y Toro, mas por sugestão do Thales, um dos proprietários da Agência Turistando Chile, incluímos a Vinícola Santa Rita em nosso roteiro.

Foi uma decisão super acertada. Simplesmente amamos, não só pela beleza do local mas também pela importância na história do Chile.

Caso queira, também pode reservar o tour na Vinícola Santa Rita online, bastando apresentar seu voucher e iniciar a imersão na história desta Vinícola.

Existem três tipos de passeios, sendo os seguintes:

Distante aproximadamente 60 km de Santiago, a Viña Santa Rita, que também abriga o Museu Andino, está localizada no Valle del Rio Maipo, ficando aos pés das Cordilheiras dos Andes.

O que conhecer na Vinícola Santa Rita.

Além de sua área externa com as parreiras de uva e as cordilheiras ao fundo, a Vinícola Santa Rita tem muito para se conhecer.

Vinícola Santa Rita

Museu Andino

Museu Andino
Museu Andino

O Museu Andino está localizado dentro da área da Vinícola Santa Rita e instalado em um prédio com 1400 m2.

Além disso, reúne mais de 3 mil objetos que representam o passado Chileno e Americano.

O Museu exibe uma mostra arqueológica e etnográfica dos pré-colombianos que habitaram o Chile e de suas coleções étnicas originais.

Não é permitido fotografar as salas e objetos do Museu, entretanto é possível registrar imagens no saguão principal. 

O roteiro do museu permite conhecer o passado pré-colombiano do Chile e seus grupos étnicos nativos.

O museu ainda exibe objetos de culturas de Arica, Atacama, Diaguitas, Huentelauquén complexa, região central do Chile, Inka, Mapuches, huasa, sul do Chile e de Rapa Nui, bem como jóias e têxteis pré-colombianas da América do Sul e Central. A entrada é gratuita.

O tour do Vinho

O tour do nosso grupo foi conduzido pela Carioca Maira que, com muito bom humor, nos apresentou todas as etapas de produção do vinho até a chegada à nossa taça. 

Vinícola Santa Rita

A Vinícola Santa Rita é muito bonita e organizada, entretanto existem horários estabelecidos para tour com guias que falam português e outras línguas.

Ademais, pode ser agendado pelo site ou na agência de turismo.

Vinícola Santa Rita chile
Vinícola Santa Rita chile

A visita começa no Jardim de Variedades, onde existem pequenas parreiras de todos os tipos de uva utilizadas na produção dos vinhos.  

Como fomos no verão (Fevereiro) as parreiras estavam em plena produção e foi possível saborear as uvas colhidas por nós mesmos.   

 

Vinícola Santa Rita

Maira nos conta a história da fundação da Vinícola e principalmente como o Carmenere foi redescoberto nos Vinhedos da Santa Rita. 

Redescoberto pois, no ano de 1860, uma peste atacou os vinhedos da França e ocasionou a extinção da espécie da uva.

No ano de 1994, muitos franceses chegaram ao Chile e inesperadamente descobriram que as uvas que os chilenos pensavam ser Merlot, na verdade eram Carmenere. 

Vinícola Santa Rita

Continuando nosso tour, passamos pelos lindos parreirais até chegar ao barracão com enormes reservatórios.

Nesses reservatórios são armazenados o mosto de uva (suco) onde acontece o processo de decantação e fermentação.

chile Vinícola Santa Rita

Na decantação, ocorre a separação do líquido de seus sedimentos. 

Vinícola Santa Rita

Decantação do vinho

Processo de Recepção da Uva que extrai o suco e ocorre de Fevereiro a Maio. 

Vinícola Santa Rita

Na etapa do envase, além dos vinhos Santa Rita, os maquinários engarrafam os Vinhos Carmen, Nativa e Terra Andina.

Cerca de 12 mil garrafas são envasadas por hora, ou seja, 70 milhões de garrafas por ano.

chile Vinícola Santa Rita

Em seguida, fomos para as Câmaras de Armazenamento. Tais galerias são onde os vinhos ficam armazenados nos barris de carvalho, em ambientes climatizados e escuros, aguardando por anos o momento certo para serem comercializados.

Vinícola Santa Rita
Alegria do Euclides querendo levar um barril para casa.

Saindo desse barracão, nos dirigimos à melhor parte da visita: a degustação. hahaha Mas antes, fomos conhecer a história do Vinho 120. 

Outro passeio imperdível para que visita Santiago é Embalse el Yeso Santiago Chile – Imperdível. Para conferir e se encantar com a beleza desse lugar, clique aqui.

A degustação do Vinho na Vinicola Santa Rita

degustação de vinho

Quem faz visita à Vinícolas sempre espera por esse momento. Assim como com a gente não foi diferente (detalhe para a pessoa ali grudada na taça).

tour do vinho chile

A degustação inclui prova de 3 tipos de vinhos,. Além disso, com a ajuda da guia, pudemos perceber os aromas e sabores de cada um.

Ao mesmo tempo, Maira também nos passou informações sobre quais vinhos combinar com tipos de comidas. Achamos sensacional.

O Blog Caminhos me Levem tem um post super legal sobre Comidas e Bebidas típicas do Chile. Então, não deixe de conferir.

degustação de vinho
vinhos chile

 Recebemos de presente a taça de cristal com a marca da Santa Rita utilizada durante a degustação.

Por fim, fomos encaminhados para a Loja onde são comercializados os vinhos da Marca e diversos souvenirs.

Novos Amigos

amigos de viagem

Na foto, os queridos Luis e Julia, Bruno e Dani, que nos acompanharam durante essa tarde deliciosa e que amamos conhecer. Eles tornaram o passeio mais divertido.

Logo após as compras, fomos conhecer o renomado Restaurante Dona Paula (é preciso agendar com antecedência) e o Café La Pañaderia.

120 SANTA RITA

Lugar super fofo e com várias delícias.

120 SANTA RITA chile

Veja também ==>> O que fazer no Chile – Viña Del Mar e Valparaíso

Dicas de hospedagem em Santiago

E porque não se hospedar em Providência, um dos lugares mais procurados pela maioria dos turistas que visitam a cidade. O motivo é bem simples: tem transporte perto e de fácil acesso, tem muitas lojas, cafeterias, restaurantes, centro financeiro, o Shopping Costanera, que é um dos principais, e muito mais.

Tem ainda Las Condes, uma região mais moderna, sofisticada e requintada da cidade. Só que em Las Condes reina a tranquilidade e o sossego. Seja como for, Santiago possui várias opções de hospedagem e vamos indicar algumas delas. Confira:

  • Hotel Sommelier: decoração moderna e minimalista, com quartos espaçosos com vista de toda a cidade. Não é muito caro e possui serviços e comodidades que agradam a maioria dos hóspedes.
  • Hotel Cumbres Lastarria: é um hotel um tanto mais requintado, com piscina ao ar livre e restaurante em suas próprias dependências. Seus quartos têm ar-condicionado e banheiro privativo.
  • Novapark: muito bem localizado, no centro histórico da cidade, perto de lojas e restaurantes. Seus quartos possuem ar-condicionado, Smart TV, aquecimento, janelas com vidros duplos, cofre e amenidades de banho como cortesia.
  • Hotel Montecarlo Santiago: com acomodações mais simples, mas sem perder aquele glamour bem característico das hospedagens em Santiago do Chile. Seus quartos são modernos e climatizados. Contam ainda com TV a cabo e vista panorâmica para o Parque Cerro Santa Lucia e possuem banheiro privado e cofre.
  • Hotel Boutique Reyall: Com acomodações confortáveis e atendimento muito elogiado, oferece café da manhã farto e ótima localização.
  • Solace Hotel: O requintado Solace está em uma excelente localização, oferece quartos espaçosos e novos, café da manhã muito elogiado e piscina no terraço.
  • Eco-Hostel Tambo Verde: No quesito hostel, este se destaca na avaliação dos hóspedes pelo ótimo preço e estrutura oferecida.

Conclusão.

Em suma, recomendamos que inclua em seu roteiro a Vinícola Santa Rita. O tour é muito completo e é um lugar que enche os olhos de tanta beleza. 

O Blog Conheci e Curti foi conhecer a Viña Undurraga e contou tudo sobre esse passeio divertido.

A região toda é rica em diversas atrações, inclusive passeios gratuitos. O Blog Panorama de viagem sugere incluir no roteiro o Parque das Esculturas em Santiago.

Ainda para ajudar em sua viagem, o Blog Embarcando.com fez um post com dicas do que fazer em Santiago e as principais atrações. Não deixe de conferir.

Detalhes sobre o passeio: Tour do Vinho Vinícola Santa Rita 

O que inclui:

  • Translado ida e volta a partir do Hotel ou ponto previamente agendado;
  • Ticket de entrada;- Visita ao Museu Andino (entrada franca);- Apresentação da Vinícola;
  • Degustação de Vinhos;
  • Uma taça de cortesia.

O que não inclui:

  • Almoço 

Valor do passeio é contratado individualmente. Logo, pacotes com mais passeios tem valores com desconto.

* O passeio foi patrocinado e realizado pela empresa TURISTANDO CHILE mas as opiniões são de livre expressão dos autores.

Ainda assim ficou com alguma dúvida? Precisa de ajuda para montar seu roteiro por Santiago e arredores? Tem alguma dica para nossos leitores? Fique a vontade para deixar seu comentário. 

Planeje sua viagem com a gente!

Fazendo suas reservas pelos links do blog, você ganha descontos, não paga nada a mais por isso e ainda ajuda a manter nossa página no ar, sempre atualizada. Escolhemos nossos parceiros com base em nossas experiências e na qualidade dos serviços prestados.

Siga nossas redes sociais.

Instagram – @casalabordo

Facebook – Casal a Bordo

YouTube – Casal a Bordo

Twitter – @casalabordo

Euclides Torezan

Sul-matogrossense, 39 anos, servidor público. Um viajante nato, trilheiro, que ama animais, o contato com a natureza, trilhas e cachoeiras, esportes radicais e tudo o que envolve adrenalina. Apaixonado por motos e por tecnologia, é o responsável pelas imagens produzidas bem como edição de vídeos e do blog.

Artigos relacionados

3 Comentários

  1. Amo conhecer vinícolas, mas ainda não conheci nenhuma vinícola chilena. A Vinícola Santa Rita realmente parece incrível e apaixonante.

  2. Não conheci a Vinícola Santa Rita,mas adorei as fotos e o vídeo!
    Amo passeios À vinícolas e adorei que essa ainda tem um museu!

  3. Amei a dica da visita na vinícola Santa Rita! Primeiro porque eu gosto muito dos vinhos (tem sempre aqui em casa). Segundo porque o passeio me pareceu super agradável e interessante. Salvei o post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo