Crista de Galo e Vale do Rio Claro.

A Crista de Galo fica no Vale do Rio Claro, dentro do Parque Nacional da Chapada dos Guimarães. Além de ótimos locais para banho, oferece uma vista em 360 graus dos paredões de Chapada.

Trilha Crista de Galo e Vale do Rio Claro Chapada dos Guimarães
Comecinho da trilha com os paredões de Chapada ao fundo.

Como desbravar nosso Estado Mato Grosso é uma de nossas atividades favoritas, fomos conhecer mais um dessa região que amamos: Chapada dos Guimarães.

Primeiramente, o local é espetacular e tem um dos visuais mais bonitos de Chapada dos Guimarães.

Desta vez, a visita foi ao Vale do Rio Claro, que fica dentro da área do Parque Nacional de Chapada dos Guimarães.

O Parque Nacional de Chapada dos Guimarães

O Parque Nacional da Chapada dos Guimarães possui 33 mil hectares. No entanto, foi assegurado como área de proteção, nos limites que se encontra atualmente, no ano de 1989.

Atualmente, o parque é administrado pelo Instituto Chico Mendes de Conversação e Biodiversidade (ICMBio).

O parque tem por objetivo proteger o ecossistema local e assegurar a preservação dos recursos naturais, bem como de sítios arqueológicos existentes. Além disso, regular o acesso proporcionando uso adequado para visitação, educação e pesquisa.

Diversas trilhas e atrativos dentro do Parque Nacional de Chapada dos Guimarães estão disponíveis ao público. Entretanto, é obrigatório acompanhamento de guia de turismo ou condutor autorizado em praticamente todas.

Além disso, não é permitido a utilização de drones dentro do parque (conforme os guias, a proibição se dá pelo risco de atingir algum pássaro).

Aproveite para conferir o Guia Completo de Chapada dos Guimarães, com todas as informações necessárias para sua viagem.

Crista de Galo e Vale do Rio Claro

A trilha da Crista de Galo e Vale do Rio Claro é nossa trilha favorita em Chapada dos Guimarães. Os motivos são inúmeros: visuais incríveis e poços de água cristalina para banho.

Grande parte do percurso é feito em área aberta, sem sombra. Por isso, leve protetor solar, boné ou chapéu, roupas leves e de proteção solar, calçado fechado e chinelo, além de comidinhas e muita água.

Além da trilha, existe um caminho que pode ser realizado em veículo 4×4 até a Crista de Galo, sendo uma opção mais acessível para pessoas com dificuldades de mobilidade. Contudo, para saber mais sobre esse tipo de condução, é necessário se informar com guias ou agências da região.

Com um trajeto de aproximadamente 5 km para ir e mais 5 km para voltar, pessoas com pouco preparo físico podem sentir certa dificuldade em completá-la.

Embora a distância seja considerável, é possível descansar nas paradas para contemplação e para banho. A trilha é considerada moderada devido ao trecho arenoso no início e ao final do percurso, mas o restante é de nível fácil.

O passeio dura praticamente o dia todo pois iniciamos por volta das 08 da manhã e terminamos às 16 horas. Então, leve água e lanches pois não há comércios dentro do Parque Nacional de Chapada dos Guimarães.

Como chegar

Marcamos como ponto de encontro o Restaurante Vale Verde, localizado às margens da rodovia Rodovia Emanuel Pinheiro (MT-251) no Km 39. O início da trilha fica praticamente em frente ao restaurante, sendo possível utilizar o estacionamento do local pagando uma pequena taxa.

Se acaso não estiver se carro próprio e preferir alugar um veículo, temos um parceiro que pode te ajudar. Clique aqui e entenda como você pode alugar seu carro de forma econômica e sem precisar sair de casa.

Há ainda grupos de trilha que se reúnem e combinam no sistema de divisão de caronas. Ao final desse post, você encontra contato de alguns desses grupos de trilha.

Além disso, a linha de ônibus que linha Cuiabá a Chapada dos Guimarães passa pelo local, sendo necessário confirmar os horários. Para maiores informações, utilize os telefones de contato: Rodoviária de Chapada dos Guimarães MT – 65 3301 – 1280 e Rodoviária de Cuiabá – 65 3621-2188.

O passeio

Após reunir todo o grupo e receber orientações dos guias, iniciamos nossa trilha.

Conforme dito anteriormente, para realizar esse passeio, é obrigatório o acompanhamento de Guia de Turismo Regional.

Crista de Galo Chapada
A formação rochosa Crista de Galo

A primeira parada foi para contemplação da tão famosa Crista de Galo. Do alto do morro, temos uma visão em 360 graus da Chapada dos Guimarães e de seus paredões.

Vista paredões chapada

O nome do local se dá justamente pelo tipo de formação que lembra o formato da crista de um galo.

Tanto na ida quando na volta, passamos pela Crista de Galo, sendo que nos foi permitido subir ao topo em ambos os momentos. Apesar de ingrime, a subida é curta e realizada em poucos minutos.

Após um tempo dedicado à fotografias e muita contemplação, seguimos caminho adentrando o Vale do Rio Claro.

Com águas calmas e cristalinas, as pausas para se refrescar tornaram o percurso ainda mais gostoso.

A transparência da água é tamanha que é possível praticar snorkeling e observar os peixinhos na superfície.

Nadando com lambaris
Poço Verde.

Tivemos a companhia de uma galera incrível e super alto astral do Grupo de Trilhas Aventura MT. A turma faz toda a diferença nessas aventuras.

Aventura MT

Veja também==> Onde se hospedar em Chapada dos Guimarães

Poço da Anta e Poço Verde

Logo após contemplar a Crista de Galo, percorremos mais um trecho de caminhada até chegar aos poços.

No total, são três locais para banho. Primeiramente, paramos no Poço da Anta, uma grande área que forma uma espécie de piscina natural e tem a água muito transparente devido a incidência do sol. Não acham que parece um aquário?

Aproveitamos essa parada para fazer nosso primeiro lanchinho e reabastecer as energias.

Mergulho Vale do Rio Claro
Poço da Anta.

Por falar em mergulho, sabia que a Dolina Água Milagrosa é um dos melhores pontos de mergulho de cilindro de Mato Grosso? Fizemos um post mostrando tudo desse lugar que tem mais de 185 metros de profundidade.

Em seguida, paramos no Poço Verde, onde dá para descer as corredeiras por 30 minutos fazendo snorkeling. Por fim, o terceiro poço onde tem um tronco submerso que serve de apoio pois é o local mais profundo.

A água é muito transparente mas com pouca incidência de luz solar devido a sombra das árvores, porém, foi o lugar onde mais vimos peixes.

Mergulho vale do rio claro
Poço Verde.

Quanto custa a trilha da Crista de Galo e Vale do Rio Claro?

Assim como informamos no início do post, para este passeio é necessário acompanhamento de guia. Deste modo, o valor cobrado é em média de R$ 65,00 por pessoa.

Fomos de veículo próprio até o local de início da trilha, o Restaurante Vale Verde. O local conta com estacionamento sendo cobrado o valor de R$ 20,00 por carro, com a opção de isenção da cobrança caso haja consumação.

Aproveite para conhecer outras atrações incríveis de Chapada dos Guimarães.

Considerações finais sobre a trilha na Crista de Galo e Vale do Rio Claro

Para realizar a trilha, é necessário prévio agendamento visto que há um cadastro a ser feito junto ao ICMBIO. Esse agendamento pode ser feito diretamente com os guias, grupos de trilha ou agências.

No post Guia Completo de Chapada dos Guimarães você encontra a lista de todos os guias credenciados bem como maiores informações para curtir todos os atrativos da região.

Paredões de Chapada

No mais, é só curtir esse contato com a natureza, fazer amigos e se divertir.

Você pode conhecer as atrações principais de Chapada dos Guimarães, como por exemplo o Mirante da Cachoeira Véu de Noiva, e ainda combinar a visita com Nobres.

Pés ao mundo

Em Nobres, o paraíso das águas cristalinas do Estado, você pode conhecer a Cachoeira Serra Azul e o Aquário Encantado.

Belezas não faltam em nosso Mato Grosso para quem gosta de ecoturismo e aventura.

Por fim, aos que quiserem viver essa experiência, deixamos contatos de alguns grupos de trilha que atuam na Chapada dos Guimarães:

Aventura MT.
Telefone: 65 98444-5389

Amigos de Trilha
Telefone: 65 99927-1386

MT Extremo
Telefone: 65 9206-0661

*Todos os gastos durante o passeio foram pagos com recursos próprios, porém, decidimos divulgar os serviços pois a experiência foi positiva. Qualquer post patrocinado será mencionado.

Organize sua viagem com quem entende do assunto.

Planeje sua viagem com a gente!

Fazendo suas reservas pelos links do blog, você ganha descontos, não paga nada a mais por isso e ainda ajuda a manter nossa página no ar, sempre atualizada. Escolhemos nossos parceiros com base em nossas experiências e na qualidade dos serviços prestados.

Siga nossas redes sociais.

Instagram – @casalabordo

Facebook – Casal a Bordo

YouTube – Casal a Bordo

Twitter – @casalabordo

Euclides Torezan

Sul-matogrossense, 39 anos, servidor público. Um viajante nato, trilheiro, que ama animais, o contato com a natureza, trilhas e cachoeiras, esportes radicais e tudo o que envolve adrenalina. Apaixonado por motos e por tecnologia, é o responsável pelas imagens produzidas bem como edição de vídeos e do blog.

Artigos relacionados

4 Comentários

  1. Pessoal, que delícia de lugar. Vocês já foram conhecer a Chapada dos Veadeiros? Com certeza é um destino que os agradará. Agradeço por compartilhar essas experiências. Viajo com vocês. Abraços

  2. Amei saber um pouquinho sobre a trilha Crista de Galo e o Vale do Rio Claro. Apesar da longa extensão, a trilha é tranquila? Sem muitas subidas ou maiores dificuldades? Os poços são um show à parte, em especial o Poço da Anta. A água parece ser verdinha, verdinha… amei!

  3. Olá! Ótimo post! Gostaria de saber se é possível fazer essa trilha com criança de 5 anos, ou fica muito puxado. Obrigada.

    1. Boa tarde Rachel, tudo bem? A trilha é bem puxada para criança sim, a não ser que tenham costume de carregar a criança, pois não é possível levar carrinho por causa da areia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo